Agência Nacional do Cinema
Translate traduzir ImprimirImprimir 02/02/2015 18:23

SPCine é inaugurada na capital paulista

Empresa de Cinema e Audiovisual de São Paulo atuará no desenvolvimento, financiamento e implementação de programas e políticas para o setor no município

Preview
Ampliar
Inauguração oficial da Empresa de Cinema e Audiovisual de São Paulo | Foto: Leon Rodrigues

Na quarta-feira, dia 28 de janeiro, foi oficialmente inaugurada a Empresa de Cinema e Audiovisual de São Paulo - SPCine, uma iniciativa da Secretaria Municipal de Cultura da capital paulista e do Governo do Estado de São Paulo. A empresa funcionará como um escritório de desenvolvimento, financiamento e implementação de programas e políticas para o setor audiovisual na cidade de São Paulo.

 

Participaram da solenidade no Paço das Artes o ministro da Cultura, Juca Ferreira; o diretor-presidente da ANCINE, Manoel Rangel; o secretário de Cultura do Estado de SP, Marcelo Mattos Araújo; o prefeito de São Paulo, Fernando Haddad; o secretário de Cultura do município, Nabil Bonduki; o diretor-presidente da SPCine, Alfredo Manevy; e o secretário interino de Cultura do município, Guilherme Varella.

 

Editais em parceria com o Programa Brasil de Todas as Telas e com o Fundo de Mídia do Canadá

 

Na solenidade, foi assinado um protocolo de intenções entre a ANCINE e a SPCine, que prevê o lançamento de editais no mês de março, em parceria com o Programa Brasil de Todas as Telas, e com recursos Fundo Setorial do Audiovisual - FSA. Trata-se de um compromisso do Governo Federal de investir, por meio da ANCINE, nas atividades finalísticas da empresa.

 

Foram anunciados R$ 20 milhões em investimentos, sendo R$ 10 milhões oriundos da Prefeitura de São Paulo e R$ 10 milhões do FSA. O montante será direcionado para a produção e distribuição de longas-metragens de relevância artística, produção e distribuição de longas de alta performance comercial, e produção de episódio piloto de obra seriada e formatos para TV.

 

O diretor-presidente da SPCine, Alfredo Manevy, também anunciou edital em parceria com o Fundo de Mídia do Canadá, que investirá 200 mil dólares canadenses no desenvolvimento de projetos. O edital, cujas inscrições começam a partir de 15 de fevereiro, já está disponível para consulta aqui.

 

Conheça a SPCine

 

A SPCine foi fruto de diversos encontros, grupos de trabalho e estudo de experiências de sucesso, com participação ativa do setor audiovisual. Para a criação da empresa, a Secretaria Municipal de Cultura e o Governo do Estado de São Paulo investiram, cada um, R$ 25 milhões. A parceria com a ANCINE viabiliza o aporte de R$ 15 milhões do FSA para editais da empresa, de acordo com os parâmetros da Linha de Suplementação a Editais Regionais.

 

No evento de inauguração, o prefeito de São Paulo, Fernando Haddad, descreveu a SPCine como “uma estratégia de alinhamento entre as esferas de governo, que vai dar aos cineastas, produtores, roteiristas, atores e atrizes uma perspectiva de sustentabilidade”.

 

A empresa atuará em três eixos: no eixo Desenvolvimento Econômico, ajudará o desenvolvimento do setor rumo a um cenário de sustentabilidade econômica, promovendo estudos setoriais e investimentos estratégicos; no eixo Integração e Internacionalização, a SPCine estimulará coproduções, atração de produções estrangeiras, a exportação do conteúdo audiovisual local e o intercâmbio cultural e de talentos; e no eixo Inovação, Criatividade e Acesso, a empresa apoiará também ações de desenvolvimento criativo e inovação aplicada às novas tecnologias, formatos, linguagens e ao empreendedorismo.

 

A SPCine englobará as atividades da SP Film Comission, escritório de suporte a filmagens na cidade de São Paulo; do Circuito SP de Salas de Cinema; do LEIA - Laboratório de Inovação e Experimentação Audiovisual, um espaço de encontro, cocriação e articulação para jovens empreendedores criativos; e da SP Bits, o conjunto de programas e ações da SP Cine para o mercado de games e cultura digital.

 

Para o diretor-presidente da ANCINE, Manoel Rangel, “a criação da SPCine demonstra o quanto é necessária a articulação de políticas públicas para o audiovisual no âmbito dos estados e das capitais, de maneira que haja ainda mais espaço para a diversidade das produções e dos talentos locais”.

 

Para mais informações, acesse o site oficial da Empresa de Cinema e Audiovisual de São Paulo – SPCine.

 
 
Ícone Webmail Webmail Ícone Mapa Mapa do site SEI
Agência Nacional do Cinema - Ministério da Cultura - Governo Federal